Trade Deadline: Divisão Metropolitana

Carolina Hurricanes

Os Hurricanes estão apenas a alguns pontos dos lugares de acesso aos Playoffs. No entanto, há uma mão cheia de equipas na mesma situação. Acrescentando a isso as lesões que têm sofrido, dificilmente os Hurricanes vão investir em jogadores para a última fase da época. Se o fizerem, deveriam concentrar-se em dois aspectos. O seu principal defesa, Joni Pitkanen está de fora o resto da época. Por outro lado, os Hurricanes sofre de alguma ineficácia e incapacidade de marcar golos. A equipa tem grande potencial, com os irmãos Staal. No entanto, tirando as 2 primeiras linhas, há muitos problemas para resolver. Além disso, contractos elevados de alguns jogadores, como Alexander Semin e Tuomo Ruutu podem fazer dos Hurricanes vendedores neste Trade Deadline.

Jogadores Disponíveis

Ron Hainsey; Tuomo Ruutu; Anton Khudobin; Justin Peters.

Columbus Blue Jackets

Os Blue Jackets tiveram um começo lento, mas conseguiram dar a volta e agora lutam por um dos 3 primeiros lugares da divisão. A equipa de Columbus é bastante equilibrada. As 3 primeiras linhas têm muita qualidade, a defesa é sólida e na baliza está o vencedor do Vezina (troféu para o melhor guarda-rede da fase regular) do ano passado, Sergei Bobrovsky. Por isto mesmo, não seria de admirar se os Blue Jackets não fizessem mexidas neste Trade Deadline. Um aspecto que os Jackets podem melhorar é a falta de experiência. O plantel é muito jovem e um jogador veterano, com experiência em voos mais altos, pode ser a peça que falta aos Blue Jackets. Se Gaborik e Horton estivessem mais presentes podiam ser a solução. Talvez isso fosse mais importante do que trazer alguém novo para a equipa.

Possíveis alvos

Tom Gilbert (Florida Panthers); Ales Kemsky (Edmonton Oilers); Reto Barra (Calgary Flames).

New Jersey Devils

A equipa de New Jersey está a 2 pontos do wild card. No entanto os Devils não são uma equipa tão forte quanto a sua posição pode indicar. A defesa é um dos seus pontos fortes, juntamente com os seus guarda-redes de elite. Por uma lado a juventude de Cory Schneider, que é cada vez mais o titular da baliza dos Devils e por outro a lenda viva, Martin Brodeur. No entanto, os Devils têm um grave problema de concretização. Eles são 27º na liga, em golos marcados, sendo que o seu melhor marcador é o veterano Jaromir Jagr. Por isso mesmo, se os Devils querem ir longe nos Playoffs têm de encontrar um jogador que consiga marcar golos. Como moeda de troca têm Brodeur. O guarda-redes pode ser usado para reforçar o plantel, mas não será fácil encontrar uma equipa que agrade a Brodeur e que esteja disposta a dar aos Devils o que eles pedem por ele.

Possíveis alvos

Chris Stewart (St. Louis Blues); P.A. Parenteau (Colorado Avalanche); Mike Cammalleri (Calgary Flames); Brad Boyes (Forida Panthers); Olli Jokinen (Winnipeg Jets).

New York Islanders

Os Islanders já estavam numa situação muito difícil antes da pausa para os Jogos Olímpicos. Agora, com John Tavares de fora para o resto da época, a hipótese de chegar aos Playoffs é mínima. O grande problema dos Islanders encontra-se na baliza, com Evgeni Nabokov e Kevin Poulin a não corresponderam às expectativas. Seria de esperar que os Isles fossem vendedores neste Trade Deadline, para tentarem reconstruir a equipa nessas áreas. No entanto, o GM Garth Snow surpreendeu tudo e todos ao adquirir Thomas Vanek aos Sabres, por Matt Moulson, uma escolha condicional na 1ª ronda no draft de 2014 e uma 2ª ronda em 2015. Esta troca é estranha porque Thomas Vanek é avançado, área onde os Islanders não tem necessidade urgenteAlem disso Vanek está em fim de contrato e não quer renovar, pelo que o mais certo é ser trocado. Talvez possa ser usado para resolver, em definitivo, a situação na baliza dos Isles.

Jogadores Disponíveis

Thomas Vanek; Andrew MacDonald; Evgeni Nabokov.

New York Rangers

Neste Trade Deadline os Rangers podem ser simultaneamente compradores e vendedores. Apesar de serem uma equipa candidata à Stanley Cup, começaram muito mal a época, mas agora encontram-se confortavelmente num lugar nos Playoffs. A equipa de Alain Vigneault tem alguns jogadores em final de contracto e não vai conseguir renovar com todos, por isso é natural que tentem trocar alguns. Ryan Callahan parece ser um deste casos. Os Rangers parecem preferir trocá-lo enquanto podem ganhar com isso. Além disto e, como são assumidos candidatos à Stanley Cup, os Rangers também vão querer colmatar algumas falhas mais imediatas.

Possíveis alvos

Chris Stewart (St. Louis Blues); Jamie McGinn (Colorado Avalanche); Dan Boyle (San Jose Sharks).

Philadelphia Flyers

Tal como os Rangers, os Flyers tiveram um início de época desastroso. A falta de produção de Claude Giroux era um dos problemas, que está resolvido. Giroux está de volta à sua forma habitual. De volta à corrida aos Playoffs, os Flyers devem ser compradores neste Trade Deadline.  Os Flyers têm vários avançados de grande qualidade, pelo que a sua fraqueza encontra-se na defesa. Os veteranos Kimmo Timonen e Mark Streit estão em declínio. Um jogador temporário pode servir as necessidades dos Flyers e sair-lhes mais barato. Para o conseguirem podem ter de abdicar de um avançado, o que não será um problema.

Possíveis alvos

Tom Gilbert (Florida Panthers); Kyle Quincey (Detroit Red Wings); Henrik Tallinder (Buffalo Sabres).

Pittsbutgh Penguins

Os Penguins têm tido uma época regular tranquila. No entanto, nos últimos anos, a carreia nos Playoffs tem sido curta e a prestação de Marc-Andre Fleury duvidosa. A equipa é muito equilibrada, e mesmo com o AVC de Kris Letang a defesa tem estado muito bem. Ainda assim o GM Ray Shero é conhecido por fazer mexidas nesta altura, pelo que o mais provável será tentar preencher o lugar do lesionado Pascal Dupuis na ala direita. Apesar de ter muitos jogadores jovens, é pouco provável que Ray Shero esteja disposto a abdicar deles para colmatar uma situação temporária.

Possíveis alvos

Ales Hemsky (Admonton Oilers); Matt Moulson (Buffalo Sabres); Mike Cammalleri (Calgary Flames); Tim Thomas (Florida Panthers).

Washington Capitals

Os Capitals estão numa luta acesa pelo último lugar de acesso aos Playoffs. Os Capitals têm um dos melhores jogadores do mundo, Alex Ovechkin que está muito bem acompanhado na frente por Nicklas Backstrom e Mikhail Grabovski. Na baliza, os Capitals também estão seguros, pelo que o seu maior problema é a defesa. Mike Green, John Carlson e Karl Alzner já provaram há muito o seu valor, mas o resto da defesa dos Caps é muito jovem e inexperiente. Um problema de George McPhee é a falta de moeda de troca.  Não há muitos jogadores disponíveis. Mike Green é uma possibilidade. Ainda assim há que ter sangue frio e racionalidade. Este não será, em principio, o ano dos Caps e por isso devem procurar uma solução temporária para puderem ser competitivos nos Playoffs, sem sacrificarem as suas escolhas no draft ou os seus prospects mais valiosos.

Possíveis alvos

Chris Phillips (Ottawa Senators); Joe Corvo (Ottawa Senators); Dmitry Kulikov (Florida Panthers); Ryan Miller (Buffalo Sabres).

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s