Antevisão: Canadiens – Panthers

Hoje à noite, a partir das 22:00 horas, vamos assistir na SportTv ao possível regresso de Tim Thomas à competição (ainda não foi confirmado). Apesar de Thomas já estar disponível desde terça-feira, Scott Clemmensen foi o titular no jogo de ontem frente aos Red Wings, o que indica que hoje deverá ser a vez de Tim Thomas.

Ambas as equipas jogaram ontem com resultados diferentes. Os Panthers somaram a 3ª derrota consecutiva, depois de terem perdido por 4-3 com os Detroit Red Wings. Já os Canadiens conseguiram uma vitória crucial por 2-1 contra os Tampa Bay Lightning, com uma grande exibição de Carey Price.

Depois da troca de treinador, os Panthers têm estado a jogar melhor em 5-contra-5, mas Peter Horachek ainda não conseguiu resolver os problemas das equipas especiais. O powerplay é anémico e o penalty kill têm dificuldade em restringir os remates do adversário. Na derrota com os Red Wings, foram as penalidades em alturas pouco aconselhadas do jogo que custaram a vitória. A disciplina vai ser fundamental para o sucesso dos Panthers neste jogo.

Do lado dos Canadiens, dois jogadores têm estado em grande destaque: Carey Price e Max Pacioretty. Para sorte dos Panthers, Peter Budaj vai ser o titular na baliza na vez de Price. Pacioretty marcou 5 golos nos últimos 10 jogos e perfila-se como um dos candidatos a representar os USA em Sochi. A grande maioria dos avançados dos Canadiens, incluindo Pacioretty, são muito rápidos e conseguem chegar à zona ofensiva em muito pouco tempo. Os defesas dos Panthers vão ter que fechar bem o espaço entre eles e os avançados, de maneira a conter a velocidade dos Canadiens.

powerplay da equipa de Montreal já viu melhores dias. Conseguiu apenas 3 golos em 32 oportunidades, nos últimos 10 jogos. Os Panthers podem ser o adversário ideal para que os Canadiens voltem a encontrar o seu ritmo no powerplay.

Alinhamento dos Canadiens

Rene Bourque – Tomas Plekanec – Brian Gionta
Max Pacioretty – David Desharnais – Brenden Gallagher
Alex Galchenyuk – Lars Eller – Danny Briere
Brandon Prust – Ryan White – Travis Moen

Josh Gorges – P. K. Subban
Andrei Markov – Alexei Emelin
Francis Bouillon – Raphael Diaz

Peter Budaj

A linha de Plekanec é normalmente a que tem maiores responsabilidades defensivas, deixando matchups mais fáceis para jogadores como Pacioretty, Gallagher e Galchenyuk aproveitarem. A dupla Subban-Markov estava a ser uma das mais eficazes da NHL, mas foi separada por Michel Therien no último jogo. Não sei qual é a ideia do treinador dos Canadiens, mas não interessa muito. Qualquer um joga bem ao lado do Subban. O 3º par defensivo tem sido um dos problemas dos Canadiens, mas melhorou com a saída de Douglas Murray e entrada de Raphael Diaz.

Alinhamento dos Panthers

Tomas Fleischmann – Nick Bjugstad – Jonathan Huberdeau
Sean Bergenheim – Aleksander Barkov – Brad Boyes
Shawn Matthias – Marcel Goc – Tomas Kopecky
Scott Gomez – Drew Shore – Jimmy Hayes

Brian Campbell – Tom Gilbert
Alex Petrovic – Dylan Olsen
Dmitry Kulikov – Mike Weaver

Tim Thomas

A principal mudança operada por Peter Horachek quando tomou conta dos Panthers foi a confiança que depositou em Nick Bjugstad. O jovem centro de 21 anos não desiludiu e tem sido uma agradável surpresa na linha mais ofensiva dos Panthers, ao lado de Huberdeau e Fleischmann. Brian Campbell e Tom Gilbert formam uma excelente dupla, mas o resto da defesa dos Panthers deixa muito a desejar, o que pode ser um problema contra o ataque dos Canadiens.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s