Defeso – Calgary Flames

Este é o quarto de uma série de artigos que irá cobrir o defeso de todas as equipas da NHL. Vou analisar o que as equipas fizeram até agora e o que falta fazer até ao ínicio da nova temporada em Outubro… Cof!Cof!

Guarda Redes

Aqui os Flames não têm com o que se preocupar. O quê? Também têm problemas na baliza?! Não pode ser! Coitadinho do Iggy…

Pois, a verdade é que apesar de Miikka Kiprusoff ser um grande guarda-redes, os Flames andam à procura de um suplente minimamente apto a jogar na NHL há mais de 10 anos. Vários nomes passaram pelos Flames sem sucesso, incluindo Vesa Toskala (até me benzo cada vez que ouço este nome, dá-me cá um arrepio na espinha).

O problema toma contornos de maior gravidade quando nos apercebemos que, apesar de toda a sua qualidade, Kiprusoff já tem 36 anos e não vai manter este alto nível por muito mais tempo. Os Flames ainda não têm um sucessor definido para o Finlandês, mas o principal candidato parece ser Karri Ramo (Oh meu deus!).

Para já a solução passa pela dupla de guarda-redes jovens, Henrik Karlsson e Leland Irving. Karlsson ainda não teve muitas oportunidades para jogar porque passou metade do tempo lesionado. Irving há 2 anos jogava na ECHL. As perspectivas não são nada animadoras…

Defesa

Na defesa, os Flames apostaram forte e falharam miseravelmente. Trocaram Jordan Henry e uma 5ª escolha no Draft para os Washington Capitals, pelos direitos de negociação com Dennis Wideman. Os Flames evitaram assim que o defesa entrasse no mercado livre (até parece que o interesse era muito) e assinaram um contrato de $26 milhões por 5 anos. São $5.25 milhões por ano, tanto como Duncan Keith ou Chris Pronger. Ah! E também tem um no-movemente clause… Bem vindos a Calgary!

Os Flames acharam que ter um defesa sobrevalorizado não chegava (cof!cof!…Bouwmeester…Cof!). Não é que Wideman seja um mau jogador. Ele é uma boa arma no powerplay e tem um bom remate, mas comete muitos erros naquilo que devia ser a sua principal função: defender. Pagar $5 milhões por ano a um jogador com este handicap é um erro, e dos grandes.

Vamos a mais um mau contrato assinado pelos Flames? Vamos! Cory Sarich está de volta a Calgary. Enquanto que Wideman é um jogador unidimensional na medida em que não defende particularmente bem, Sarich é zero-dimensional. É lento, não tem qualquer capacidade ofensiva, nem defensiva e vai fazer 34 anos em Agosto. O que é que os Flames fazem? Prolongam o contrato do senhor por mais dois anos.

Ataque

No ataque temos… wait for itoutro mau contrato dos Flames. Jiri Hudler assinou um contrato de $16 milhões por 4 anos. Ele marcou 25 golos na época passada, já marcou mais de 50 pontos por duas vezes e é um ala de 2ª linha, exactamente aquilo que os Flames precisavam (e pelo menos este não tem nenhuma cláusula).

O problema é que não existe qualquer prova de que Hudler consiga render sozinho. Hudler vem dos Detroit Red Wings onde jogava ao lado de Henrik Zetterberg e Valteri Filppula. Nos Flames não vai encontrar jogadores desse calibre.

A boa notícia foi a renovação de Mikael Backlund. O jovem de 23 anos assinou por mais um ano e é agora o melhor centro da equipa, depois da saída de Olli Jokinen. É um jogador com enorme potencial e que deve fazer um bom trabalho ao lado de Iginla (o Iggy está contente).

Jay Feaster continua a recusar a ideia de uma reconstrução da equipa. Neste defeso ainda piorou mais a situação ao oferecer contratos prolongados a jogadores veteranos. Os Calgary Flames têm agora a 2ª massa salarial mais elevada da NHL, mas continuam a ser uma equipa medíocre.

Alinhamento Provável

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s