Nicklas Lidstrom Anuncia Final de Carreira

O eterno capitão dos Detroit Red Wings convocou uma conferência de imprensa na passada quinta-feira, onde acabou por confirmar o que todos temiam. Depois de 2 décadas ao mais alto nível, o melhor jogador sueco de todos os tempos termina uma carreira cheia de sucessos.

Não é possível pensar nos Red Wings sem pensar em Lidstrom. A organização que fez o jogador, o jogador que construiu uma dinastia. Mais do que um jogador excepcional, o melhor da sua geração, Lidstrom abandona a NHL como uma das personalidades mais respeitadas em toda a liga, quer pelos colegas quer pelos adversários.

Deixo aqui alguns números que ajudam a perceber a dimensão daquilo que a NHL perdeu na quinta-feira.

1827

Número de jogos realizados por Lidstrom na NHL, todos pelos Detroit Red Wings.

+511

Mais-menos de Lidstrom no total da sua carreira. Apesar de ser uma estatística pouco fiável não deixa de ser extraordinário.

264

Número de golos de Lidstrom durante a sua carreira. Tendo em conta que os 18 defesas escolhidos antes no Draft de 1989 marcaram no total 265…

88

Número de pontos de Lidstrom contra os Chicago Blackhawks durante a sua carreira, o maior nº de pontos de um só jogador contra qualquer equipa da NHL.

40

Idade em que Lidstrom marcou o seu primeiro hat-trick.

20

Número de presenças consecutivas nos Playoffs da Stanley Cup, sendo o único a conseguir fazê-lo sempre pela mesma equipa.

7

Número de Troféus Norris ganhos por Lidstrom, empatado com lendas da NHL como Doug Harvey, e com um a menos que Bobby Orr.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s