Um jogo de nervos!

Aquilo que parecia uma vitória garantida, podia ter-se tornado um pesadelo para os Rangers a meio do terceiro período, quando os Caps ameaçaram levar o jogo para o prolongamento. A verdade é que não foram capazes de o fazer e a equipa de Nova York garantiu o passaporte para a final de conferência, batendo por 2-1 os homens de Washington, no jogo 7.

Depois do 1º golo, os espectadores assistiram a 50 minutos de alta pressão com os Rangers a tentar segurar a magra vantagem e os Caps a procurarem o empate desesperadamente. Apesar da pressão, a equipa de Nova York esteve sempre à altura.

No jogo destacou-se o guarda redes dos Rangers, Lundqvist (22 defesas), Brad Richards (1 golo) e Michael Del Zotto (1 golo). Apesar da derrota há que louvar a exibição do guarda redes dos Caps, Holtby, que fez 29 defesas.

Para os Rangers segue-se a equipa de New Jersey, com o jogo 1 a disputar-se já na próxima segunda feira. As equipas encontraram-se na 3ª ronda em 1994 com os Rangers a sairem vitoriosos, no ano em que ganharam a primeira Stanley Cup em 54 anos.

O tom do jogo foi dado pelo trio Carl Hagelin, Richards e Marian Gaborik que, combinados, fizeram 10 remates, 1 golo e 3 assistências.

Richards pôs os Rangers na liderança ao fazer o 1º golo, estavam jogados 1:32 minutos do primeiro período, assistido por Hagelin.

O único golo de vantagem da equipa de Nova York manteve-se até ao 3º período. Por várias vezes os Caps tentaram marcar, mas Lundqvist esteve sempre imparável. Mesmo nos momentos de maior pressão os Rangers nunca quebraram.

Del Zotto fez o 2-0 aos 10:05 do 3º período assistido por Gaborik. Cerca de 30 segundos depois, a equipa de Washington reduziu para 2-1 por Hamrlik. Este golo e uma penalidade para os Caps, pouco tempo depois, ainda fez tremer os homens de Nova York. No entanto o resultado manteve-se até ao fim.

A derrota e consequente eliminação dos Caps acabou com uma época, no mínimo, atribulada, com inúmeros percalços como o despedimento do treinador e a chegada de ideias e estratégias novas que “mexeram” com a organização da equipa.

Quanto aos Rangers, os Devils são o próximo alvo. São duas equipas que se conhecem muito bem e já tiveram vários confrontos. Será, certamente, uma final de conferência muito disputada.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s